Curso de Enfermagem, do Uni-FACEF, desenvolve ações de educação em saúde para combate ao Aedes aegypti

Os estudantes do curso de Enfermagem, do Uni-FACEF, acompanhados da chefe do departamento, Profa. Dra. Lívia M. Lopes, e da Profa. Dra. Ana Carolina G. Braz Trovão,

A Professora Lívia Lopes destaca que a dengue é um dos principais problemas de saúde pública no mundo. Ela lembra, ainda, que o município de Franca (SP) também está sofrendo com o aumento do número de casos nos últimos meses. Segundo os órgãos de saúde, os dados epidemiológicos alertam para a necessidade de intensificação das ações de eliminação dos focos do Aedes aegypti em todo território municipal.

Diante desse contexto, o curso de Enfermagem, do Uni-FACEF, está desenvolvendo atividades de educação em saúde para contribuir para a conscientização da população sobre o controle desses criadouros do mosquito Aedes aegypti. Tais atividades estão inseridas na disciplina “Políticas e Educação em Saúde III” e estão acontecendo na sala de espera do Pronto Socorro Álvaro Azzuz e na Escola Torquato Caleiro no período noturno, conforme informações da chefe do departamento do curso.

É importante lembrar que o Ministério da Saúde reforça que é essencial fazer do combate ao mosquito uma rotina de toda a sociedade, em qualquer época do ano, embora o verão seja a estação mais propícia para a proliferação do vetor.

São medidas simples a serem adotadas, porém, eficientes, como: manter bem tampados tonéis, caixas e barris de água; trocar água dos vasos de planta uma vez por semana; manter garrafas de vidro e latinhas de boca para baixo; e acondicionar pneus em locais cobertos.

Para as Professoras Lívia Maria Lopes e Ana Carolina Braz, “desenvolver essas atividades é uma forma de contribuir com a saúde da população francana, além de qualificar a formação dos futuros enfermeiros, de forma que sejam cada vez mais comprometidos com o bem-estar da sociedade e sensibilizados ao cuidado humano”.

Veja, abaixo, algumas fotos das ações.