IPES Uni-FACEF divulga pesquisa sobre preços de itens da Páscoa

Desligado

Pesquisa foi realizada em supermercados de Franca (SP)

O IPES Uni-FACEF (Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais Uni-FACEF) realiza, anualmente, uma pesquisa de preços de itens de Páscoa desde 2014 em Franca (SP). Esse trabalho utiliza os dados coletados em levantamento realizado em 15 supermercados da cidade, cujos nomes são mantidos em regime de anonimato, em observação ao protocolo da pesquisa. O levantamento contempla supermercados de diferentes portes, localizado em distintas regiões da cidade. O relatório da pesquisa (link abaixo) destaca que no ano de 2021, excepcionalmente, essa pesquisa não foi realizada devido à pandemia da Covid-19.

Ainda conforme o relatório, foram coletados dados tanto de ovos de chocolate, como de caixas de bombons, bolo pascal do tipo colomba e itens que compõem pratos à base de bacalhau – por serem tradicionalmente consumidos nessa data. Para a pesquisa dos valores de ovos, caixas de bombons e colomba, foram selecionadas as marcas mais populares, por possuírem uma base de preços e mercado consumidor mais similaridades entre si.

Alta nos preços, aponta pesquisa do IPES Uni-FACEF

Segundo o IPES Uni-FACEF, o preço do ovo de Páscoa disparou em 2022 e são os mais elevados desde que começou a realizar esse tipo de pesquisa, em 2014.

Evolução dos preços dos Ovos de Páscoa, em Franca (SP), por marca.
Fonte: IPES Uni-FACEF (2022).

A pesquisa dos preços de caixa de bombons passou a ser realizada em 2017 e, exceto em 2018, a elevação dos preços tem sido constante.

Evolução dos preços da caixa de bombons (2017 – 2022), em Franca (SP).
Fonte: IPES Uni-FACEF (2022).

A evolução dos preços do bacalhau demonstra os reflexos da variação cambial, mais afetada após a pandemia da Covid-19. A diferença de preços, entre o bacalhau de 1ª linha e o de 2ª linha, foi maior em 2022. Veja abaixo.

Evolução dos preços do bacalhau, em Franca (SP).
Fonte: IPES Uni-FACEF (2022).

Entre todos os itens pesquisados, a variação mais salgada dos preços praticados entre os supermercados, neste ano, foi a batata inglesa, que variou 208,14%, assim como nos anos anteriores.

Preços máximos e mínimos dos itens de Páscoa e suas variações, em Franca (SP).
Fonte: IPES Uni-FACEF (2022).

Segundo os analistas do IPES Uni-FACEF, a diferença na logística de abastecimento e de estoques dos supermercados tem sido a responsável pela alta. O grão de bico também apresentou elevada variação entre os supermercados pesquisados.

“Ao observar os valores dos Ovos de Páscoa, apesar das marcas estarem praticando uma faixa homogênea de preços, ainda há, em todas elas, uma margem de diferença de um local para outro. Uma das marcas chega a ser encontrada com 50% de variação pelo mesmo produto, em locais diferentes”, aponta uma das análises da pesquisa.

Clique no link abaixo e veja, na íntegra, os resultados e as análises da pesquisa realizada pelo IPES Uni-FACEF, em Franca (SP), para os itens de Páscoa.

PESQUISA IPES_ITENS PASCOA_2022

A CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens e Serviços) estimou um faturamento de R$ 2,16 bilhões com a Páscoa deste ano, para o comércio. Isso significa “uma alta de 1,9% em relação a 2021, mas, segundo a projeção, o volume movimentado ficará 5,7% abaixo do alcançado antes da pandemia, em 2019, quando atingiu R$ 2,29 bilhões”, segundo portal de economia.